A Faculdade Osman Lins (FACOL) sediou, na noite desta segunda-feira (13), o lançamento do livro “A História das Ligas Camponesas – Testemunho de quem a viveu”, de autoria de Zito da Galileia. A narrativa relata com detalhes o movimento iniciado no Engenho Galileia, em Vitória, de onde se irradiou a bandeira da reforma agrária.

A cerimônia, realizada no Teatro Tabocas, foi acompanhada pelo fundador da FACOL, Paulo Roberto, o diretor-presidente da instituição, Túlio Duarte, o coordenador da Pós-Graduação, Carmelo Souza, o presidente da Associação Comercial da Vitória, Gilvan Leonel e o presidente da Academia Vitoriense de Letras, Serafim Lemos. Familiares e amigos do escritor também compareceram ao evento.

Como uma forma de diário, o autor que era criança quando o movimento começou, relata a história. Ele tinha oito anos quando surgiu a Liga do Engenho Galileia, em 1955, que daria origem ao movimento.  “Este livro foi escrito por uma questão de paixão pela história da Liga Camponesa da Galileia, que nasceu na residência do meu avô, o velho Zezé da Galileia”, conta ele.